Pitfalls – o que são? Quais os principais? Exemplos práticos de uso

Se você conhece algum nativo da língua inglesa que está aprendendo português, com certeza já ouviu ele confundir-se com expressões nossas, como “você vai soltar a franga; ela acertou na mosca; você é um amigo da onça; enfiei o pé na jaca”, etc.

De fato, se pararmos para analisar, essas frases têm um duplo sentido. Para os não nativos, elas são como armadilhas, quando lidas pela primeira vez: parecem uma coisa, mas são outra.

O mesmo acontece conosco. A língua inglesa, também, tem algumas armadilhas, pois possui frases e palavras com mais de um sentido, o que pode acabar confundindo as pessoas que não têm o inglês como língua nativa.Essas armadilhas são chamadas de Pitfalls!

É muito comum, quando se está aprendendo qualquer língua, cometer erros, fazer confusão com palavras ou expressões que são, em sua maioria, pitfalls. Isso faz parte do aprendizado.

Entretanto, podemos te ajudar apresentando os principais pitfalls da língua inglesa, para que você não só evite cair em erros ao ouvi-las, mas, também, para que você possa usá-las no momento correto, ficando mais à vontade em uma conversa.

Confiraalgumas das pitfalls mais usados:

Wet blanket

Na tradução literal, wet blanket significa “cobertor molhado”. Todavia, esse termo quer dizer desmancha prazeres, estraga prazeres.

Ex: You’re a wet blanket, dude! (você é um desmancha prazeres, cara!).

cobertor de água

Working girl

Essa é uma das pitfalls mais perigosas de se confundir. Aparentemente, working girl seria “garota trabalhadora”. Entretanto, significa, também, prostituta, garota de programa.

Kickt he bucket

Kick the bucket significa morrer e, ao mesmo tempo, quer dizer chutar o balde. É uma das mais antigas pitfalls, surgida no século XVI, por conta das mortes por enforcamento, em que a pessoa suicida subia em um balde que estava virado para baixo, amarrava a corda no teto e, simplesmente, chutava o balde.

Lame duck

Pato aleijado, certo? Errado! Lame duck é um político em fim de mandato e que não recebeu votos suficientes para a reeleição. É como se fosse “um pato que manca, mas ainda não está morto”.

In Dutch with someone

In dutch with someone, nada mais nada menos, é estar “sujo” com alguém, “em problema” com alguém. De fato, dutch significa holandês. Logo, a tradução ao pé da letra seria “em holandês com alguém”. Sua origem vem do século XVI, em que os ingleses eram inimigos dos holandeses, devido à expansão colonial, restando, até hoje, as expressões de desmoralização aos holandeses.

Ex: I missed the meeting, I’m in dutch with my boss. (eu faltei a reunião, estou com problemas com meu chefe).

To have a big head

Sim, é possível que uma pessoa tenha uma cabeça pequena e, ainda assim, seja uma “big head”, pois a expressão significa ser convencido, ser metido.

Ex: You got a big head after your promotion. (você ficou convencido após a sua promoção)

Beats me

Diferentemente do que aparenta, bets me não quer dizer me bata. Essa expressão equivale ao nosso “sei lá”, ou seja, “não tenho a mínima ideia”.

Fed up with

Sabe quando você está de saco cheio? É exatamente esse o significado dessa pitfall. Você pode usá-la para expressar que está impaciente, cansado de algo ou de alguém.

Ex: I’m fedup with my boss. (Eu estou de saco cheio do meu chefe).

acordo

Day in and day out

Dia dentro e dia fora? Não! A expressão em voga quer dizer “dia após dia”, “todos os dias”.

Ex: Day in and day out I’m doing the same thing (dia após dia eu estou fazendo a mesma coisa)

See eye to eye

No tradutor, a expressão see eye to eye torna-se “ver olho no olho”. Essa é uma das pitfalls que a tradução literal até faz algum (pouco) sentido. See eye to eye é chegar a um acordo, fechar um acordo.

Ex: We finally saw eye to eye on our business deal (nós finalmente chegamos a um acordo no nosso negócio).

With flying colours

A pitfall acima quer dizer tranquilamente, com facilidade.

Ex: I passed the exam with flying colours (eu passei na prova com facilidade).

E então, já conhecia alguma das pitfalls citadas no texto? Já cometeu alguma gafe por causa delas? Não se preocupe! Como dito, errar faz parte do aprendizado. Agora,caso viaje para o exterior, grave as pitfalls citadas para usar e evitar cometer novos erros!

One Comment

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *