Gerúndios e Infinitivos em inglês – O que são? Quando usar? Exercícios

Uma das dúvidas mais comuns dos estudantes do inglês é a seguinte: em que contextos utilizar o infinitivo e em quais usar o gerúndio?

A fim de responde essa pergunta, preparamos este artigo que primeiramente explica como funcionam o infinitivo e o gerúndio e depois lista as principais regras de uso de cada um deles! Confira aqui, no Sim para todos!

O que é e como é formado o infinitivo no inglês?

Gerúndios e infinitivos

O infinitivo é a forma básica do verbo, não conjugado em nenhum outro tempo verbal. Na língua inglesa, o infinitivo é formado de duas maneiras:

  1. Por “to” + o radical do verbo: I like to dance.
  2. Apenas pelo radical do verbo: I can’t dance.

Cada uma dessas maneiras tem seu próprio contexto de utilização, mas não convém tratar delas neste artigo, já que o foco dele é outro.

O que é e como é formado o gerúndio no inglês?

O gerúndio é uma das formas nominais dos verbos, junto com o infinitivo e o particípio, e é responsável por transformar o verbo em um substantivo, podendo atuar tanto como sujeito quanto como complemento na oração. Observe:

  1. Smoking is harmful to health (fumar é prejudicial à saude)
  2. One of your problems is talking too much. (um dos seus problemas é falar demais)

Em (1), temos um exemplo do gerúndio sendo usado como sujeito da oração. Já em (2), temos um exemplo do gerúndio como complemento. Perceba que, por mais que o gerúndio tenha aparência de verbo (e até possa ter o sentido alterado por advérbios, como no segundo exemplo), ele atua como um substantivo em ambos os exemplos.

O gerúndio é formado a partir do acréscimo da partícula -ing ao final do verbo em sua forma infinitiva, sem a presença do marcador “to”. Observe:

  • to smoke → smoking;
  • to drive → driving.

Perceba, entretanto, que a colocação da partícula provoca algumas mudanças na estrutura da palavra, no caso dos exemplos, a elisão da vogal final. Como o deste artigo é o contexto de uso de cada um dos tempos verbais, não listaremos todas as regras de acréscimo de -ing ao verbo, mas você pode conferi-las em outros artigos do Sim para todos, como neste a respeito do future continuous, clicando aqui. 

Quando usar um e quando usar o outro?

Depois dessa contextualização, vamos ao que interessa: quando usar o infinitivo e quando usar o gerúndio? Confira algumas das principais regras para nunca mais errar:

  • Usa-se o INFINITIVO SEM “TO” no inglês:
    • Após verbos modais (can, could, may, might, must, shall, should, will, would, ought to, need e needn’t):
      • I can help her!
    • Após os verbos auxiliaries do e will:
      • I will find you!
      • Após as conjunções but e except:
        • You do not but spend my money!
      • Após why e why not:
        • Why go home when we can stay right here?
  • Usa-se o INFINITIVO COM “TO” no inglês:
    • Após adjetivos não seguidos por preposição:
      • It’s hard to understand this subject.
    • Após determinados verbos (como afford, agree, ask, beg, begin, dare, decide, fail, forget, have, help, hope, learn, like, love, offer, plan, prefer, prepare, promise, refuse, remember, start, try, want):
      • I was planning to visit you tomorrow.
    • Após would like, would love, would prefer e would hate:
      • I would like to speak with you later.
    • Após os pronomes interrogativos, com exceção de why (what, where, when, how, who, which):
      • I don’t know where to go!
  • Usa-se o GERÚNDIO no inglês:
    • No começo de sentenças, como sujeito:
      • Playing chess is one of my hobbies.
    • Como objeto (complemento) após o verbo principal:
      • Rafael started running last week.
    • Como objeto (complemento) após uma preposição:
      • I came with the intention of helping you
    • Após determinados verbos (como admit, avoid, consider, contemplate, delay, deny, enjoy, escape, finish, forgive, give up, imagine, include, involve, keep, mention, miss, suggest, understand etc.):
      • You should avoid touching it!
    • Após determinadas expressões (como can’t stand, feel like, it’s good, what about/how about etc):
      • How about visiting my parents next weekend?
    • Após preposições (about, after, against, at, before, in, of, for, on etc.)
      • Before meeting you, I thought you were a bad person.

Exercício Resolvido

1. Complete corretamente as sentenças abaixo com uma das formas do verbo entre parênteses (gerúndio ou infinitivo).

a) Tell Mr. Draper I would like _________ him. (meet/to meet/meeting)

b) You should keep _________! (try/to try/trying)

c) I’m telling you! I don’t know that _________. (do/to do/doing)

d) I’m sorry, it’s late. I must _________. (go/to go/going)

e) Is it common _________ so loudly in your country? (speak/to speak/speaking)

f) After _________ a shower, I’ll _________ to bed. (take/to take/taking; go/to go/going)

RESPOSTAS

a) to meet

b) trying

c) To do

d) Go

e) To speak

f) Taking/go

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *